Registre-se agora
 
X

Cozinha elementar

2413 dias atrás por maria João - Joca   Comentários (0)

Estamos desejando criar, aqui na Moleque, um "espaço fluido" com a menor interferência possível, onde seja possível cozinhar, tipo uma "cozinha elementar ambulante"... 

Por menor interferência quero dizer pouco custo (interferência financeira), pouca obra (interferência física estrutural do imóvel), sustentabilidade (redução da interferência ambiental através da reutilização do máximo de componentes possíveis) e grande mobilidade (máxima facilidade de eventual deslocamento da própria atividade dentro dos espaços que compõem a Moleque).

Seria um espaço fluido porque, de preferência, se comporá de um espaço aberto (sem as velhas quatro paredes...) que será intermitentemente reconhecido como cozinha, sempre que seja esta a atividade que ali ocorra... ou horta de temperos... ou área de serviço... ou apenas  mais um cantinho receptivo e abrangente, que você possa transformar no lugar que você precisa naquela hora... (bem a "cara" da Moleque...!).

Um aspecto que teve peso na escolha do local foi a existência de um ponto de água e outro de escoamento de água servida: um tanque que foi recentemente instalado em um cantinho sossegado, "quase parando", com cerca de 3 metros quadrados, definido por duas paredes paralelas e um portão de grades de ferro  que não é utilizado como passagem  (1,58m x 1,90m) há já bastantes anos.

Inicialmente, a idéia é nos servirmos deste tanque mas, caso seja interessante, existe possibilidade de instalar, ao lado deste (e pegando carona nas suas instalações), uma pequena cuba exclusiva para utilização da cozinha.

O piso do lugar seria mantido sem pavimentação (para manter a permeabilidade), apenas com um pouco mais de brita e dois palets para nivelar e melhorar a possibilidade de instalação do fogão e da mesa/bancada de apoio.

Tanto o fogão quanto a mesa/bancada terão dimensões reduzidas, compatíveis com o espaço disponível e com a própria proposta de "cozinha elementar".

O espaço, inicialmente a céu aberto, disporá de uma cobertura translúcida, que pretendemos executar com telhas tipo capa e calha feitas de garrafas de coca-cola de 3 litros. O sistema de madeiramento será tradicional, com caibros e ripas, apoiados nas duas paredes laterais existentes.

E no gradeamento do portão que define o "fundo"da cozinha pretendemos apoiar elementos que permitam cultivar algumas ervas de tempero ou outras que sejam consideradas convenientes.